TX EduXpert - шаблон joomla Новости
Sexta, Mai 24, 2019

19/05 - Os sentidos que dão sentido à vida.

Os sentidos fundamentais do corpo humano, que constituem as  funções e propiciam o nosso relacionamento com o ambiente foram alvo de uma aula muito especial, recentemente desenvolvida com os alunos do 2º ano do Ensino Fundamental do Colégio Trilíngue Inovação. Para entender como o uso dos sentidos pode ajudar a aprender sobre “coisas desconhecidas” e detectar essas funções, a professora Laura Kupske realizou uma aula prática e divertida tornando possível distinguir os estímulos exteriores por meio do paladar, do olfato, do tato, da audição e da visão.

Através de uma linguagem adequada à faixa etária e utilizando-se de instrumentos práticos, a professora Laura explicou que existem determinados receptores, altamente especializados, capazes de captar estímulos diversos. Os receptores sensoriais - visão, audição, tato, gustação ou paladar e olfato, são formados por células nervosas, que convertem os estímulos em impulsos elétricos. Estes movimentos são imediatamente processados e analisados em centros específicos do sistema nervoso central, onde será produzida uma resposta voluntária ou involuntária.

Para introduzir o assunto, além de filmes ilustrativos, foram realizados exercícios que permitem distinguir os sentidos, estimulando isoladamente cada órgão responsável. Como modo de identificar o tato, os alunos fizeram desenhos com cola, areia e cartolina e puderam sentir a textura desses materiais depois de unidos. Para instrumentalização da visão, utilizaram “óculos mágicos”, onde cada olho ficava com uma cor diferente.  

A brincadeira do telefone sem fio foi o método encontrado para detectar a audição e ressaltar a importância de saber ouvir. Após terem os olhos vedados, cada aluno recebeu saches com cheiros diferentes para descobrir o que havia dentro de cada um sem tirar as vendas. Assim, puderam sentir o olfato. Para explorar o paladar, foi utilizada uma caneta com sabor chamada “doceneta”, com a qual deveriam escrever em pratos plásticos, e utilizar a língua como borracha.

Desta forma, os alunos entenderam que é através dos cinco sentidos que o ser humano percebe o mundo, obtendo sensações e informações que permitem interagir com os demais elementos da natureza. Na oportunidade, além de introduzir conceitos sobre os órgãos dos sentidos, a professora ampliou com os alunos a ideia de que o uso deles ajuda as pessoas a se integrar ao meio ambiente e aprender sobre o mundo que os rodeia.

O objetivo, segundo a professora, era estimular nos alunos o conhecimento e levá-los a perceber que os sentidos humanos são tão automáticos, que muitas pessoas não percebem a sua importância. “Na maioria das vezes, só tomamos conhecimento de como são fundamentais quando algum deles não funciona direito”, assinalou. Após essa aula, os alunos puderam perceber a importância dos sentidos, e o que seria de suas vidas sem eles.

A aula prática despertou um grande interesse pelo assunto por parte dos alunos, o que justifica a metodologia de ensino do Colégio Trilíngue Inovação. Segundo a Gestora, Ms. Gislaine Baez, “Aprender é muito mais fácil quando há ligação entre a teoria e o experimento, enquanto se adquire o conhecimento. Isso porque o sistema cognitivo processa com maior intensidade, quando algo é divertido e prático ao mesmo tempo”, justificou.