Últimas Notícias

08/06 - Colégio de Chapecó sediará etapa regional do Desafio National Geographic

O Colégio Trilíngue Inovação será sede da fase regional da terceira edição do Desafio National Geographic 2010 a ser realizada no dia 21 de agosto próximo. Os alunos de sétima e oitava série do ensino fundamental e 1º ano do ensino médio da instituição estão inscritos para representar Chapecó nesta competição de nível nacional. As provas serão realizadas das 10h às 13h e buscam aferir o que os jovens aprenderam e como aplicam os conhecimentos de geografia para compreender a realidade cotidiana em conexão com áreas e temas como história, cultura, meio ambiente, sustentabilidade, viagens e turismo.

A maior olimpíada de Geografia do Brasil é uma iniciativa da Editora Abril, integra o projeto Viagem do Conhecimento e tem como objetivo despertar entre os estudantes o interesse por temas relevantes do mundo contemporâneo.

Além de estimular jovens estudantes, com seus núcleos familiares e escolares, a conhecer melhor o espaço, o país e o mundo onde vivem, o concurso pretende disseminar a cultura de viagem como experiência para ampliar o conhecimento do Brasil e do mundo e contribuir para a melhoria da qualidade de ensino da disciplina de Geografia e áreas afins. Também estão entre os propósitos incentivar estudantes e educadores a avaliarem as relações sociedade‐natureza sob uma perspectiva crítica, ética, solidária e sustentável.

A primeira etapa do desafio ocorrerá no dia 09 de junho de 2010 e os finalistas farão a prova final nos dias 14 a 17 de outubro,  em São Paulo. As provas poderão conter questões fechadas de múltipla escolha e produção de escrita sobre temas, conceitos, processos e habilidades específicas associadas ao universo dos conhecimentos geográficos, históricos e da cultura de viagem

Ao participar deste desafio, o Trilíngue pretende contemplar os objetivos do concurso e contribuir para a formação humana, através da instigação do espírito de superação. O professor de Geografia, José Valderi da Silva, assinala que através desta prova os alunos terão a oportunidade de desafiar-se no conhecimento geográfico. “Além disso, a disciplina abrange o espaço e as relações sociais, possibilitando a todos uma interação com alunos de outras instituições brasileiras e os educandos terão maior entusiasmo para estudar”, garante.

A Gestora do Colégio, Ms. Gislaine Moreira Nunes Baez anunciou que a instituição incluiu esta atividade como parte do planejamento pedagógico e salienta que “um desafio como este, além de envolver a possibilidade de superação, instiga a busca pelo conhecimento, possibilita vivenciar novas experiências fora da comunidade escolar e amplia as relações interpessoais dos alunos, o que contribui para a educação integral proposta pela Instituição”.

07/06 - Colégio realiza exposição dos elementos naturais na semana do Meio Ambiente

{gallery}2010,single=meioamb.jpg,salign=left,connect=sige{/gallery}

Para celebrar o Dia Mundial do Meio Ambiente, data instituída pela Conferência das Nações Unidas em 5 de junho, o Colégio Trilíngue Inovação abrirá as portas da instituição para a exposição de fotos dos elementos naturais do planeta, com imagens da região de Chapecó, planejada e produzida pela ONG SOS Terra. O evento ocorrerá na sexta-feira, dia 04 de junho e estará aberto ao público das 15h do dia 04 às 18h40min do dia 07. Ao todo serão mostradas aproximadamente 50 fotos e um vídeo. As fotos abordam a fauna e flora regional e confrontam a riqueza ambiental com áreas ameaçadas pela ação do homem.

{gallery}2010,single=meioamb1.jpg,salign=left,connect=sige{/gallery}

A exposição finaliza um projeto da disciplina de Ciências, desenvolvido pela Professora Especialista em Ciências Biológicas, Silvana da Cunha, que explorou detalhadamente com o corpo discente, os quatro elementos do planeta: fogo, terra, água e ar. “Além de apresentar onde os encontramos e quanto utilizamos de cada elemento diariamente, também analisamos o quanto são fundamentais para a existência dos seres vivos”. Durante as aulas da disciplina, também foram realizadas atividades de conscientização da utilização dos recursos naturais, as problemáticas enfrentadas pelo planeta e as catástrofes que a humanidade vive devido ao desequilíbrio natural.

Com estas iniciativas, o colégio pretende estimular o público infanto-juvenil que é um nicho com potencial para a realização de ações que visam resultados em longo prazo. “É neste período da vida que o indivíduo faz as suas principais escolhas e forma a sua consciência, por isso tratar este público como foco nestas ações, corrobora para que os jovens de hoje estejam mais engajados pela causa ambiental amanhã”, afirma Silvana.

Segundo a Gestora Ms. Gislaine Moreira Nunes Baez, “uma exposição como esta, proporcionará uma visão bem realista, sendo que o conteúdo apresentado será do próprio lugar de vivência e conhecimento e contribuirá com a conscientização dos alunos e pais”.

19/05 - Banda Santo Graau estimula o ensino da Língua Portuguesa

{gallery}2010,single=santograau.jpg,salign=left,connect=sige{/gallery}

O Colégio Trilíngue Inovação procura desenvolver aulas que tornem mais significativo o aprendizado da língua materna. Pensando nisso, recebeu, no dia 17 de maio, a visita dos integrantes da Banda Santa Graau - Ricardo Avlis e Cleber Souza.

Na oportunidade, os alunos de sexta série puderam efetivar a entrevista construída em aula, que envolveu o estudo dos pronomes interrogativos, além de ouvir a música “Algum dia”, tomada como base para o estudo dos verbos.

De acordo com a professora Liana Cristina Giachini, de Língua Portuguesa, o trabalho com tipologia textual diversificada é prática constante no Colégio Trilíngue por auxiliar o aluno, fornecendo-lhe as habilidades necessárias para uma leitura mais completa do mundo e da realidade que o cerca.

Segundo a Gestora Ms. Gislaine Moreira Nunes Baez, “eventos como esse, que fazem parte do dia a dia dos alunos do Colégio Trilíngue Inovação, além de demonstrar a valorização da cultura local por parte da instituição, ilustram o dinamismo e a modernização de que necessita o ensino da Língua Portuguesa, tão mitificado por alunos e professores.”

A formação integral, que contempla a filosofia da Instituição tem como uma das preocupações, fazer com que os alunos passam a entender a linguagem como meio de um processo comunicativo, compreendendo a poesia que está presente em manifestações linguísticas como a música enquanto forma de expressão dos mais diversos grupos sociais.

A banda participou, ainda, de um bate-papo descontraído com os alunos do Ensino Médio, que visualizaram, tanto nas falas quanto nas letras da banda, elementos linguísticos como as figuras de linguagem. Ricardo e Cleber aproveitaram o momento para estimular os alunos, falando sobre a importância de ser perseverantes em relação aos estudos e aos objetivos de vida, evitando desistir diante do primeiro obstáculo.

11/05 - A Educação de Chapecó é Representada em Congressos na Europa

A Gestora do Colégio Trilíngue Inovação, Ms. Gislaine Moreira Nunes Baez participou do I Congresso Ibero-Brasileiro e VI Congresso Luso-Brasileiro de Administração Educacional, nos dias 29 e 30 de abril em Elvas, Portugal, e nos dias 1 e 2 de maio em Cáceres e Mérida na Espanha. O encontro reuniu dirigentes escolares destes países para um exercício de análise, intercâmbio de estudos, experiências sobre a educação e a constituição de seus espaços de aprendizagem e de construção e socialização do conhecimento.

A iniciativa é do Fórum Português de Administração Educacional (FPAE/PT), el Forum Europeo de Administradores de la Educación de España (FEAE/ES) e a Associação Nacional de Política e Administração da Educação (ANPAE/BR).

O evento dividiu-se em eixos, nos quais foram abordados, entre outros assuntos, o espaço da educação na dimensão dos direitos humanos e da construção de cidadania, o espaço da educação na dimensão das políticas locais e da gestão escolar, o espaço da educação na dimensão das políticas nacionais e regionais e do ensino superior e espaço da educação na dimensão das políticas de formação e trabalho docente.

Segundo Baez, a educação sofre mudanças constantes no país e no mundo e para acompanhar é necessário buscar novos contextos e manter-se atualizado. “Buscamos atingir e conhecer o que há de melhor no ensino da educação básica no mundo e desta vez, novamente, foi de grande valia discutir novos rumos com representantes EUROPEUS e brasileiros da área”, avalia.

Mediante tais incursões, a educação chapecoense vai ampliando seus horizontes, pois este tipo de troca enriquece o contexto local, assim como faz nossa Cidade ser reconhecida na qualidade de ensino, em países de primeiro mundo, notadamente mais avançados nestes quesitos.

05/05 - Falando de inclusão social na formação humana do Trilíngue

A continuação do projeto “Aproximando as diferenças numa formação integral”, do Colégio Trilingue Inovação, ocorreu nesta semana, nos dias 28 e 29 de abril. Na oportunidade, foram abordados assuntos como deficiência visual e Língua Brasileira De Sinais (LIBRAS).

Na quarta feira, dia 28 de abril, a palestra foi sobre a deficiência visual, explorando temas específicos, entre eles: a forma como a pessoa cega enxerga o mundo, os recursos usados em sua aprendizagem e os métodos para que essa pessoa tenha seus direitos e necessidades garantidos.

{gallery}2010,single=difere.jpg,salign=left,connect=sige{/gallery}

Para responder a estas perguntas, o Colégio contou com a importante ajuda da professora Elcy S. Lucachinski (diretora pedagógica da ADEVOCS) e de Raquel Elisa Gehm(cega total desde o nascimento, que cursa o 3º ano do ensino médio e é revisora de Braille).

Os alunos interagiram com as palestrantes, questionando e tirando suas dúvidas. Além disso, participaram de uma dinâmica de sensibilização através da qual puderam perceber a importância do tato e da sinestesia, sentido aguçado entre os cegos, que os ajuda na locomoção e inclusão na escola e no trabalho. Durante a palestra, as crianças ainda tiveram a chance de observar materiais em Braille, equipamentos de informática e recursos didáticos em relevo e também ouviram uma história infantil, lida em Braille por Raquel.

A professora Elcy, parabenizou a iniciativa do Colégio Trilingue em realizar o ciclo de palestras e disse que esta é a primeira instituição particular que convida a ADEVOSC para um evento focado na conscientização e na quebra de paradigmas sobre as deficiências.

Já no dia 29 de abril, a visita foi dos interpretes de LIBRAS, Diorgenes de Almeida e Edivânia de Almeida, acompanhados pela surda profunda Maria. O evento possibilitou aos alunos vivenciar o aprendizado que obtiveram através do contato com o vocabulário de sinais em LIBRAS, proporcionado pela Professora do 2° ano, Maria Renilde Ferreira Feldberg, que também é interprete de LIBRAS.

Maria contou sua história, mostrando como era difícil o acesso das crianças deficientes à educação, antes da aprovação da lei de inclusão. A palestrante informou, ainda, que o preconceito era muito maior e que quem utilizasse a linguagem de sinais era vítima de agressões, apanhando nas mãos. Felizmente, hoje, a Língua Brasileira De Sinais (LIBRAS) é reconhecida oficialmente como língua própria dos surdos, o que garante a eles o direito a educação, trabalho e convívio social em diversos espaços.

Após participarem de uma contação de história em LIBRAS e terem suas perguntas respondidas, as crianças do 1º, 2º e 3º ano, que durante toda a palestra participaram perguntando e copiando os sinais, demonstrando desejo de aprender para poder se comunicar, realizaram uma surpresa ao cantarem uma música em português e LIBRAS, deixando Maria emocionada.

Segundo a Gestora Ms. Gislaine Moreira Nunes Baez, “A quebra de paradigmas e de preconceitos, através do conhecimento e da formação de cidadãos conscientes de seu papel social de respeitar o direito, a vez e a voz de todos, é o primeiro passo para que a inclusão social realmente aconteça”.

A Coordenadora Pedagógica Neudeci Morais salientou que “foi pensando nesta construção cidadã que as professoras realizaram este projeto interdisciplinar de inclusão das diferenças, começando com a literatura e culminando no ciclo de palestras de conscientização”.

Página 70 de 88